Lucro Bom X Lucro Ruim

Debatido em diversas esferas do pensamento sociológico e econômico, desejado, perseguido, abominado e criticado, o lucro é sem dúvida a base da sociedade capitalista. Embora atualmente arvore-de-dinheiroum grande número de teóricos da administração defendam que o lucro não pode ser a razão de existência de uma organização, todos admitem que ele é, de alguma forma, essencial para a existência e continuidade das empresas.

Fred Reichheld, em seu interessante livro intitulado “A Pergunta Definitiva”, fala sobre o lucro em uma perspectiva diferenciada, classificando-o em dois tipos: lucro bom e lucro ruim. O lucro bom, segundo o autor, é aquele conseguido em relações comerciais saudáveis. É o lucro obtido através da satisfação plena no consumidor, atendendo suas necessidades, respeitando-o no processo de venda e oferecendo a ele todo o suporte necessário para a superação de suas expectativas. Por outro lado, o lucro ruim é conquistado com a exploração e engano do cliente, através de produtos de baixa qualidade, com serviço ruim e atendimento de baixo nível.

594_280Não é preciso ser nenhum gênio de administração, marketing ou vendas para deduzir qual o modelo permanece por mais tempo. Empresas que optam por desrespeitar seus clientes não sobrevivem por muito tempo. O consumidor insatisfeito não apenas deixa de comprar, mas difama o nome da empresa para todo seu círculo de influência, que pode ser altamente potencializado com o uso das redes sociais. Já os clientes satisfeitos e bem tratados, compram com freqüência e investem valores cada vez mais elevados, além de recomendar as organizações de sua preferência para os amigos.

Podemos fazer uma analogia desse conceito também ao nosso desenvolvimento profissional e pessoal. Os trabalhadores que fazem somente o mínimo para não perder o emprego, enganam seus empregadores e procuram apenas tirar vantagens pessoais no trabalho, não garantem sua permanência e progresso, enquanto que os bons e dedicados profissionais sempre encontrarão espaço para trabalhar e crescer. Aqueles que procuram apenas se beneficiar nas amizades, no casamento, nas relações familiares e etc, um dia se perceberão sozinhos e isolados. Os que se esforçam pelo desenvolvimento de todos que estão ao seu redor e oferecem seu melhor à sociedade, sempre perceberão, ainda que tardiamente, os benefícios de seus investimentos.

 E então, que tipos de lucros você tem produzido em sua vida?

 

 

 

 

 


Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.