9 hábitos para aumentar a produtividade pessoal e profissional

GreenChecklistA medida que o mundo torna-se mais complexo e competitivo, a produtividade pessoal e profissional torna-se mais perseguida e desejada por todos. Embora tenhamos as mesmas 24 horas disponíveis todos os dias, é um fato conhecido que algumas pessoas conseguem fazer muito mais nesse tempo em relação a outras, inclusive utilizando-se de menos recursos. Isso nos leva a pensar que existem estratégias que podem nos fazer aumentar nossa produtividade diária. A revista Business Insider trouxe um interessante artigo sobre 9 hábitos que podem nos tornar mais produtivos. Abaixo compartilho com você uma versão traduzida e adaptada de cada um deles.

1. Avaliar tudo o que tem de ser feito e selecionar o mais importante: O conhecido princípio de Pareto diz que 80% de nossas realizações vêm de 20% dos nossos esforços. Então, quais os 20% do nosso trabalho que são mais valiosos? Identificar essas atividades e concentrar a maior parte de nosso tempo e energia nessa direção cria progresso. Mas como saber quais são essas atividades? Pense nas ações que, caso executadas, produzirão impacto direto e consistente em seus objetivos mais importantes ou de sua organização. São aquelas atividades que causam um progresso importante e visível em relação às mestas estabelecidas.

2. Estabelecer metas de curto prazo: Todos temos objetivos de longo prazo e a forma mais eficaz de alcança-los é dividir cada um deles em metas menores de curto prazo, de forma a fracionar as atividades que vão proporcionar o objetivo completo. É muito tentador para se concentrar em muitos objetivos ao mesmo tempo, no entanto, limitando metas para cada iniciativa de resultados mensuráveis ​​é o que nos permite não sobrecarregar a nós mesmos em um estado de submissão e derrota.

3. Trabalhar no seu próprio ciclo: Nosso corpo funciona em ciclos. Há momentos do dia que somos mais produtivos do que em outros momentos. A maneira mais eficaz de permanecer produtivo é aprender o seu ciclo. Quais momentos do dia você consegue completar o maior número de tarefas? Estudos mostram que, em média, nosso cérebro é capaz de manter o foco durante no máximo 90 minutos; então precisamos de pelo menos 15 minutos de descanso a cada período desses.

4. Atingir metas pequenas a cada dia: Se queremos ser produtivos com o nosso tempo e administrá-lo bem, nós precisamos gastar o nosso tempo de trabalho para a realização de objetivos menores com uma série de pequenas tarefas. Definir metas menores para nós mesmos nos oferece reforço positivo quando são alcançadas, isso ajuda a manter-se motivado e incentivado a trabalhar em direção aos objetivos maiores e aspirações. Uma lista de tarefas pode ser bastante eficiente nesse sentido. Riscar atividades ja executadas motiva a seguir em frente para cumprir todas as tarefas da lista proposta.

5. Saber exatamente onde gasta o tempo: O primeiro passo para obter a melhor gestão doimages-8 nosso tempo é entender como gastamos nosso tempo. A questão mais crítica é: “Estou usando atualmente o meu tempo da melhor maneira possível?” Conhecer onde gasta o próprio tempo aumenta sua capacidade de gerenciá-lo e assim ser capaz de dizer não a boas atividades que não estão relacionadas a minhas metas e expressar as prioridades

6. Estabelecer rotinas: As pessoas costumam criticar as rotinas, no entanto, a repetição é como nós desenvolvemos bons hábitos em nossa vida, optando por fazer a coisa certa mesmo quando não sentir vontade de fazer isso.  Produtividade diária sustentável vem de uma estrutura bem estabelecida que me conduza a executar o que precisa ser feito. Certos “rituais” de trabalho podem conduzir o cérebro ao estado de concentração necessário para obter o máximo de execução.

7. Reduzir a quantidade de tarefas por dia: Ser oprimido com muitas coisas para fazer ao mesmo tempo é uma escolha. Criação de uma  longa lista de afazeres pode nos tornar menos produtivos. Isto pode parecer contra-intuitivo, mas um menor número de tarefas pode ser melhor conduzida que uma quantidade de atividades que sabidamente não será concluída em apenas um dia.

8. Criar, modificar, reutilizar e automatizar: A criação de novas atividades é necessária para o alcance de seus novos objetivos, mas não é a única forma de trabalhar. Antigas tarefas podem ser modificadas para melhorar processos ou ainda trabalhos já executados podem ser reutilizados em novos projetos, evitando retrabalho. Pesquisas já executadas sob o mesmo tema, relatórios moldados e sistemas são bem vindos em novas metas. Muito tem sido escrito sobre o benefício de automatizar tarefas repetitivas. A automação pode ser um excelente método de produtividade pessoal e organizacional. Aplicativos de gestão de tarefas, envio de emails e malas-direta, postagens e etc. Use e abuse de seus gadgets para trabalharem em seu lugar.

9. Desenvolver sua força de vontade
Em seu livro “Maximizando a Força de Vontade,” Kelly McGonigal fala sobre três aspectos diferentes de força de vontade: Eu não vou, Eu vou, e Eu quero. A compreensão dessas três áreas de força de vontade é a chave para alcançar nossos objetivos de produtividade. Ter o “Eu não vou” é dizer não a coisas que vão mantê-lo longe de alcançar as suas tarefas, tais como checar em excesso e-mails, mídias sociais e conversas inúteis longas com os outros. O “Eu vou” é ter a vontade de se concentrar na produtividade. Como exemplo, podemos usar a mídia social para mover o nosso trabalho para a frente ou podemos optar por se tornar viciado em auto-entretenimento. O “Eu quero” é para lembrar o objetivo final e a razão pela qual estamos fazendo o que é que estamos fazendo. Consistentemente exercer nossa força de vontade nos mantém focados, e isso requer prática disciplinada.

Pronto para colocar em prática? Faça seu melhor e logo poderá ver os resultados aparecendo em sua vida pessoal e profissional.

Leia mais: http://www.businessinsider.com/9-habits-that-will-make-you-work-smarter-2015-3#ixzz3aQ9PDFWy


Posted under: Excelência Pessoal, Excelência Profissional

Tagged as: , , , , , ,

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *