Em Busca da Instabilidade

Vencendo-desafios-e-construindo-o-futuroEstabilidade. Esse é um fator procurado pela maioria das pessoas, especialmente em um ano em que se fala tanto de crise no país. Estabilidade financeira, emocional, familiar,  profissional e etc. Sem dúvida nenhuma a estabilidade é muito importante, precisa ser perseguida e devemos planejar o futuro visando a estabilidade. No entanto, como tudo na vida, o excesso de estabilidade pode ser nocivo na vida das pessoas, pois traz consigo a famosa zona de conforto.

Quando a estabilidade se torna um valor inegociável, rejeitamos situações de mudanças devido aos riscos envolvidos e a instabilidade temporária gerada por elas e por consequência desperdiçamos grandes oportunidades de crescimento. Preferimos o trabalho com “carteira assinada” ao invés de empreender, trabalhar em uma função já conhecida do que aceitar um posto que exija novos conhecimentos, manter distância da liderança, nunca mudar de cidade ou país, permanecer sempre próximo aos familiares e etc. Escolha após escolha sempre evitando o risco, a instabilidade e a mudança.

Recentemente assisti a uma palestra de Jorge Paulo Lemann, grande empresário, homem maisRisk-300x225 rico do Brasil e proprietário juntamente com seus sócios de marcas como Burger King e Heinz. Ao analisar sua trajetória, o empresário afirmou que atribui seu sucesso em grande parte à sua disposição para correr riscos e capacidade para admistrá-los corretamente desde a juventude. Situações de risco e desafio não se encontram apenas no trabalho, mas nos relacionamentos,  na vida espiritual e também nas oportunidades de realizar um trabalho voluntário em seu bairro, igreja ou até mesmo em outro país.

imagesAo buscar a instabilidade, somos provocados a estudar, nos preparar, buscar novas habilidades, fazer novos cursos, aprender com as pessoas e consequentemente nos tornamos pessoas melhores. Além disso, cada período de instabilidade vencido nos traz mais confiança e coragem para enfrentar dificuldades, provações, crises e novas instabilidades. Não é à toa que a escritora norte americana Ellen White afirma: “Fujam da tentação da ocupação fácil” (CBV, 499). Ao escolher os caminhos mais difíceis e menos percorridos, nos diferenciamos da maioria e saímos da média, caracterizada pela mediocridade.

Desejo a você um 2016 de instabilidades, crises e desafios que promovam, acima de tudo, seu crescimento!!


Posted under: Excelência Pessoal, Excelência Profissional

Tagged as: , ,

One comment

  • Marcello on January 15, 2016 at 1:17 pm said:

    Firefox 43.0 Windows

    Concordo com tudo que o texto fala. 99% das pessoas que conheço, querem uma estabilidade, um emprego público, etc. A questão da carteira assinada ainda é considerada muito importante o que limita bastante o crescimento das pessoas.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *